Cada rosto esconde uma história – Pedro Canedo conta as de Barroso

Espaço Arte Alumni Medicina, Escola de Medicina da Universidade do Minho 20 Janeiro 2020

A fotografia como retrato de um povo e de histórias. É esta a premissa que constrói a exposição de Pedro Canedo, fotógrafo que descobriu nos rostos dos habitantes de Barroso uma nova forma de montar narrativas. A colectânea de retratos estará em exibição no Espaço Arte da Alumni Medicina até meados de Março, sendo inaugurada a 27 de janeiro, segunda-feira, às 14h.

A Alumni Medicina entra em 2020 com um regresso à fotografia – e ao retrato próximo. Pedro Canedo é o autor, misturando as rugas do tempo e do trabalho duro das gentes de Barroso, numa exposição recheada de histórias contadas numa única captura. O fotógrafo, que sempre tem trabalhado em rostos e paisagens, encontrou nesta colecção a forma ideal de homenagear os seus “vizinhos” e a sua vizinhança. “Rostos com Histórias”, o título do trabalho de Canedo, é inaugurado no próximo dia 27 de janeiro, às 14h, no átrio da Escola de Medicina, com a presença da curadora Adriana Henriques.

A exposição estará patente no Espaço Arte Alumni Medicina a partir de dia 20 de janeiro.

As obras que estarão expostas contam a própria história de uma região mais isolada e que vive do apego às origens e às pessoas que povoam essa origem. O retrato de Barroso, além de um retrato da história que cada um carrega, é também um trabalho de encontro com o isolamento e um desligar do passado.